A CIANOTIPIA NA ERA DA REPRODUTIBILIDADE FOTOGRÁFICA

27-Jan-2015

Para ficar mais claro do que estamos tratando aqui quando nos referimos a fotografia experimental, vamos fazer uma série de posts falando, inicialmente, dos 4 processos que vamos trabalhar no projeto de residência: Cianótipo, Van Dyke, Papel Salgado e Goma Bicromatada.

Existem muito outros processos, uns tantos já experimentamos outros tantos ainda não.

 

Decidimos iniciar com esses 4 pois, tirando a Goma, eles são bem simples, exigem pouca estrutura mas ainda assim produzem grandes imagens. A Goma entrou por que, apesar de mais trabalhosa, talvez seja o único desses processos que gere uma imagem colorida.

 

Fotografia experimental é um termo muito amplo e gostamos dele justamente por isso. Poderíamos chamar de fotografia antiga, arcaica ou alternativa, como geralmente chamam, mas preferimos chamar de experimental porque o que a gente gosta mesmo de fazer e está sempre buscando é: aprender como se fazem os processos corretamente para depois subverter. Modificar as fórmulas buscando outros resultados. Misturar os processos entre si. Misturar os processos fotográficos com outros processos gráficos. Usar outros suportes... Enfim, experimentar!

 

Pra começar então, vamos falar do cianótipo, o queridinho dos processos experimentais, fácil, barato, menos tóxico e que sempre surpreende com imagens lindas. Começamos com ele, continuamos investigando e somos super entusiastas.

 

Neste post vamos apenas contar a historinha:

 

O cianótipo foi descoberto/inventado em 1842 pelo astrônomo, cientista, matemático, inventor britânico sir John Frederick William Herschel (guardem bem esse nome, pois ele é O CARA).

 

 

Ele observava alguns sais de ferro e percebeu que eles escureciam à luz do sol, ou seja, eram fotossensíveis. Com isso, desenvolveu a fórmula que seria o cianótipo, e batizou com esse nome obviamente por gerar somente imagens em tons de azul.

 

Reparem que à essa época nosso amigo Daguerre já havia apresentado o daguerreótipo, sua invenção, à Academia de Ciências e Belas Artes de Paris. Mais precisamente em 18 de agosto de 1839, o que vem a ser a data oficial da invenção da fotografia. Ou seja, quando o cianótipo é descoberto, a fotografia não só já havia sido inventada, como o daguerreótipo já era sucesso absoluto no mundo inteiro.

 

Mas qual era a grande vantagem do cianótipo em relação ao daguerreótipo?

 

O Daguerreótipo fazia uma imagem única, sem possibilidade de reprodução, já o cianótipo permitia inúmeras cópias a partir de uma matriz (as imagens são geradas por contato). Acontece também que, como a emulsão do cianótipo é muito dura, não era possível fotografar com ela, por exemplo, coloca-la dentro da câmera como papel fotográfico e fotografar uma pessoa.

 

Então afinal, pra que servia aquilo?

 

Ele acabou sendo utilizado sobretudo como um processo de reprodução gráfica, ou seja, a xerox da época, voltada para a cópia de textos, plantas arquitetônicas, mapas e documentos em geral.

 

Neste sentido, uma coisa muito legal aconteceu: o primeiro livro da história feito totalmente com fotografias foi com a cianotipia, o “Photographs of British Algæ. Cyanotype Impressions” de Anna Atkins data de 1843. Não se sabe ao certo quantas cópias foram feitas, mas hoje em dia se conhecem cerca de 13, que estão em museus, bibliotecas e coleções particulares. Em 2004, uma dessas cópias do livro foi leiloada em Londres e vendida por “apenas” £229,250. Não só isso, Anna Atkins também é considerada a primeira mulher da história a fazer uma fotografia!

 

 

O cianótipo nunca deixou de ser praticado, seja como um hobby pelos amantes da fotografia em geral, seja com emprego pelos diversos artistas para desenvolvimentos de trabalhos de cunho autoral.

 

 

 

 

Tendo em mãos alguns químicos e materiais básicos é possível ter uma ótima experiência com cianótipos. Ainda vamos voltar no assunto muitas vezes nesse blog, inclusive detalhando melhor fórmulas e esses materiais, além de curiosidades e experimentações.

Please reload

Recomendados

Daguerre - Um Gênio ou um Aproveitador?

November 18, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes