FOTOTREM: Lab Clube em um vagão de sonhos e experimentalidades

11-Apr-2017

O Lab Clube está na Bahia desenvolvendo ao longo do mês de abril o projeto FOTOTREM, transformando o vagão de um trem desativado no subúrbio ferroviário de Salvador em um laboratório fotográfico sustentável, equipado e prontinho para funcionar tanto como uma câmera pinhole gigante - possibilitando inclusive a revelação e ampliação de filmes fotográficos, como a realização de diversos processos fotográficos históricos.

 

E não para por aí!

 

 foto: Erivan Morais

 

Contemplado por edital via Secretaria de Cultura da Bahia, FOTOTREM foi idealizado pela artista Rosa Bunchaft, que em parceria com o Lab Clube está proporcionando também um curso de capacitação em Processos Fotográficos Experimentais para 10 multiplicadores locais, que somente nessa primeira fase e com o nosso acompanhamento, irão ministrar oficinas de Cianotipia, Marrom Van Dyke, Papel Salgado e Goma Bicromatada para mais 60 jovens, dentre artistas, fotógrafos, educadores, todos moradores da comunidade da Cidade Baixa e do subúrbio ferroviário de Salvador.

 

E calma que tem mais!

 

foto: Erivan Morais

 

O projeto FOTOTREM conta com o apoio e envolvimento de coletivos, ONGs, espaços e inicitivas culturais como Centro Cultural Plataforma, Espaço Cultural Alagados, Acervo da Laje, A Corda Samba de Roda, Cipó Comunicação Interativa, dentre outros parceiros, articulados em uma rede de reflexão e criação de um acervo de imagens fotográficas de cunho artístico, produzidas pelos próprios moradores da região, instaurando a partir da ferrovia novas cartografias poéticas, históricas, políticas e afetivas, além de outras narrativas visuais envolvendo a memória, cultura, cotidiano e identidade da Cidade Baixa e Subúrbio Ferroviário de Salvador.

 

Pensa que acabou? Não...

 

 

 

Os resultados do projeto serão apresentados ao público em uma exposição que será instalada na Estação Ferroviária da Calçada, prevista para o mês de Julho, que contará com visitas guiadas e uma programação de debates e mesas redondas. A intenção ainda é que o projeto FOTOTREM se desdobre através de uma itinerância e uma publicação que consolidem a apreensão do projeto por parte dos seus agentes locais, criando uma rede de produção de imagens envolvendo as comunidades ao longo dos trilhos, que de modo regular e sistemático sigam como protagonistas de um campo de pesquisa e documentação apoiadas em um trabalho artístico de qualidade e inovação, gerando narrativas legítimas em torno das noções de memória e identidade, a partir da representação visual de si mesmo, da comunidade, da relação com o outro e com o mundo.

 

O trem partiu! E junto com ele embarcamos em uma viagem sem volta, de sonhos e transformações!

Vem com a gente?
 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Recomendados

Daguerre - Um Gênio ou um Aproveitador?

November 18, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes