Linha do Tempo dos Processos Fotográficos Alternativos

16-Aug-2017

Neste próximo sábado comemoramos 178 anos da invenção oficial da fotografia, quando em 19 de agosto de 1839 a França comprou a patente da invenção de Louis Jaques Mandé Daguerre, o Daguerreótipo, e doou a humanidade.

A partir daí a "febre fotográfica" se espalhou e mudou completamente nossa forma de enxergar o mundo.

Mas você sabe tudo que aconteceu até a fotografia se definir tal como conhecemos ainda nos dias de hoje?

 

O Lab Clube preparou especialmente para você que nos acompanha a Linha do Tempo da Invenção dos Processos Fotográficos Alternativos! No infográfico que segue abaixo você saberá em que ano, em qual lugar e por quem foi inventado cada um dos principais Processos Fotográficos, tudo acompanhado de uma breve explicação para que você saiba também o que é e quais são as principais características de cada um deles.

 

Mas antes é preciso uma breve contextualização histórica: o século XIX é conhecido como o século das invenções, mas não apenas com o propósito científico. Muitas descobertas foram motivadas pela possibilidade de se ganhar dinheiro através delas, com recebimentos de royalties e direitos autorais. E com a fotografia não foi diferente.

 

Desde que se teve notícia da primeira fotografia bem sucedida, feita por Niépce (a Heliografia), começou uma corrida de tantos outros pesquisadores, físicos, químicos e intelectuais, por formas mais efetivas e simples de se obter uma imagem que fosse fiel à realidade, sem o uso da "mão" do homem. E de uma certa forma podemos dizer que essa corrida "terminou" quando em 1888, George Eastman criou a Kodak #1, com o famoso slogan "Você aperta o botão e nós fazemos o resto", inaugurando assim a fotografia automática, amadora, acessível a todos.

 

A Linha do Tempo dos Processos Fotográficos Alternativos que trazemos até a você agora se desdobra por mais de meio século de invenções, período que corresponde justamente a essa “corrida” pela definição comercial e usual da fotografia, um período de extrema efervescência criativa que nos deixou como legado a Cianotipia, o Papel Salgado, o Papel Albuminado, os Colódios, dentre tantos outros Processos que hoje são realizados e praticados fundamentalmente com propósitos artísticos, e que você conhecerá agora!

 

(e após a imagem, veja uma breve descrição de cada um deles)

 

1826 – Heliografia: Chapa de estanho com betume da judéia que gerou a primeira imagem fotográfica permanente.

 

1832 – Photographie / Polygraphie: Modo de fixação de imagens desenhadas com a luz.

 

1832 – Physautotype: Imagem produzida sobre vidro com óleo de lavanda dissolvido em álcool e revelado com vapor de solvente.

 

1835 - Papel Salgado / Calótipo (Talbotipia): Nitrato de Prata com Cloreto de Sódio. Primeiro processo a usar a lógica positivo/negativo.

 

1835 – Daguerreótipo: Chapa de metal recoberta com prata e revelada com vapor de mercúrio que gerava uma imagem única.

 

1839 – Em 19 de agosto a França compra a patente do Daguerreótipo e doa para a humanidade, marcando oficialmente o invento da fotografia.

 

1839 - Positivo Direto: Cloreto de sódio e nitrato de prata exposto a vapores de iodo e mercúrio, gerando uma imagem final positiva 

 

1842 – Cianótipo: Sais de ferro que conferem a imagem uma tonalidade conhecida por “Azul da Prússia”

 

C.1842 - Van Dyke: Sais de ferro com prata conferindo a imagem uma tonalidade marrom

 

C.1842 – Anthotype: Utiliza a fotossensibilidade dos vegetais

 

1847 - Negativo de Vidro Albuminado: Clara de ovo, iodeto de potássio e cloreto de sódio aplicado no vidro mergulhado em nitrato de prata. A revelação é feita com ácido gálico.

 

1849 - Negativo sobre papel encerado seco: Adaptação do Calótipo encerando os papéis antes da sensibilização.

 

1850 - Papel Albuminado: Clara de ovo para fixar os sais de prata ao papel. Primeiro método comercialmente viável de se obter impressões fotográficas a partir de negativos.

 

1851 - Colódio úmido (Ambrótipo): Mistura de nitrato de celulose, éter e álcool, que serve como suporte para o cloreto de prata. A chapa deveria ser exposta ainda úmida.

 

1853 – Ferrótipo: Colódio (chapa úmida) feito sobre uma chapa de metal

 

1856 - Goma Bicromatada: Goma arábica misturada ao dicromato de potássio expostos a radiação ultra violeta.

 

C.1856 – Colótipo: uma variante da fotolitografia usado para reprodução de imagens em cartões postais.

 

C.1856 - Carbon Print: Papel carbono recoberto com gelatina e banhado em dicromato de potássio exposto a luz ultra violeta. A imagem resultante era transferida para um suporte final.

 

1862 - Fotografia colorida pelo método de síntese aditiva: Três chapas da mesma imagem, cada uma utilizando um filtro de cor impressas juntas formando a imagem colorida no final.

 

1865 – Woodburytype: Processo de cópia similar a gravura onde uma matriz fotográfica era preparada com tinta nos sulcos e impressa.

 

1871 - Placas Secas de Gelatina: Usa o mesmo principio dos filmes fotográficos atuais, onde o sal de prata fica em suspensão em uma camada de gelatina sobre uma chapa de vidro utilizado depois de seca.

 

1873 – Platinotipia: Utiliza platina direto sobre o papel gerando uma imagem totalmente fosca com grande gama tonal. O Paládio é a sua variação barata.

 

1881 – Gaslight Paper: papel de gelatina de cloreto de prata, comercializado em larga escala no fim do séc XIX. É o mais próximo dos papéis fotográficos PB atualmente conhecidos.

 

1888 - Kodak Number One: Câmera carregada com 100 “chapas” que depois de batidas eram remetidas de volta à fabrica, que revelava, copiava e enviava ao fotógrafo, dispensando totalmente o uso e manutenção de um laboratório fotográfico.

 

1891 - Lippmann Plate​: Cores capturadas e reproduzidas por um processo físico (e não químico) onde é possível registar a interferências que as ondas de luz fazem sobre elas próprias quando são refletidas.

 

1903 - Autochrome​: Chapa de vidro recoberta de fécula de batata tingida de laranja, verde e violeta, que depois era coberta por uma emulsão Pancromática (sensível a todas as cores do espectro)

​.

 

 

 

 

Please reload

Recomendados

Daguerre - Um Gênio ou um Aproveitador?

November 18, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes